Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Dicas para você ter uma boa alimentação
09/10/2020 11:20 em Emagreça saudavel

Você sabe o que é uma boa alimentação? Será que se trata de dietas com poucas refeições ou alimentos específicos? Afinal, o que é preciso para comer bem, suprir as necessidades do corpo e atingir os resultados almejados?

Pensando nisso, elaboramos este post. Ao longo do conteúdo, você encontrará uma série dedicas para se alimentar bem  beme, a partir disso, otimizar a busca por seus objetivos — emagrecer, ganhar massa etc.

Leia até o fim para não perder nenhuma recomendação!

Não faça dietas malucas e/ou restritivas

Esse é um dos erros que as pessoas mais cometem quando o assunto é alimentação. Aliás, você provavelmente já se deparou com dietas repletas de restrições. Há, inclusive, quem indique dietas feitas apenas com o consumo de ovos ou com a ausência total de carboidrato.

Independentemente do projeto fitness que você tem, tenha cuidado com esse tipo de dieta, que pode ser altamente prejudicial à saúde! Antes de tudo, converse o seu nutricionista.

 

Tome água fora das refeições

Beba um copo de 5 a 10 minutos antes de comer, e não durante a refeição, porque isso pode causar problemas para a sua digestão — espere em torno de 1 hora para beber água após se alimentar. Sempre que possível, tome de dois a três litros de água ao dia.

Coma a cada 3 horas

Ficar horas e horas sem comer faz com que seu corpo queime massa muscular e armazene gordura — e não é isso que você quer, certo? Se quiser emagrecer de forma saudável, faça de cinco a seis refeições balanceadas por dia, com o intervalo máximo de 3 horas entre cada uma delas.

Aposte nas frutas para ter uma boa alimentação

Coma de três a seis frutas por dia (se der, com casca/bagaço). Além de serem ricas em fibras e outros nutrientes, elas também são excelentes fontes de vitaminas. São ótimas opções para o café da manhã e os lanchinhos entre as refeições principais.

Tempere com ervas

As ervas são os melhores temperos. Há como utilizá-las para substituir condimentos prontos e outros temperos industrializados que, na maioria das vezes, são cheios de sódio e outros componentes dispensáveis para quem deseja manter uma boa alimentação. Orégano, manjericão e alecrim são apenas alguns exemplos de ervas que combinam aroma e sabor.

Peça o light

Comer é, em muitas ocasiões, uma situação social — nem sempre é conveniente levar marmita para aniversários e jantares na casa dos amigos, concorda?

Sendo assim, quando for comer algo mais gorduroso, tente reduzir os prejuízos causados por esse tipo de alimento. Se for pedir uma pizza, por exemplo, prefira opções com massa integral e/ou fina, sem borda recheada e com recheios mais leves (abobrinha, atum, rúcula, tomate seco etc). Pode parecer bobagem, mas faz muita diferença e você não perde o foco na dieta.

Invista em castanhas

Estas oleoginosas são aliadas poderosas quando consumidas uma vez por dia

  • castanha-do-pará;
  • nozes;
  • castanha de caju;
  • avelã;
  • amêndoa;
  • macadâmia;
  • pistache.
  • Beba chá

    Quer relaxar no fim do dia e detonar o estresse? Experimente tomar um chá de camomila antes de dormir. Se quiser acelerar o metabolismo e melhorar a disposição, uma xícara de chá-verde ou chá de hibisco são boas alternativas.
  • Coma linhaça e/ou chia

  • Você sabia que salpicar semente de linhaça ou chia em iogurtes, saladas e outros alimentos é um dos jeitos mais comuns de consumir esses itens? Eles dão aquela famosa sensação de saciedade, colaborando para que você só sinta fome horas após a refeição.
  • Vá de integral

  • Vai fazer um arroz, um macarrão ou uma torta? Prefira, então, a opção integral dessas massas. Elas são mais ricas em fibras e fazem com que fiquemos satisfeitos por mais tempo. Quanto ao gosto, tenha em mente que é uma questão de adaptação. Ou seja, se você não tem o hábito de comer alimentos integrais, basta se acostumar a eles.
  • Maneire no consumo de açúcares e gorduras

  • Há quem diga que emagrecer no inverno é mais difícil por causa das tentações gastronômicas associadas à estação. Afinal, quem nunca teve uma queda por um chocolate ou vontade de comer uma fritura quentinha?
  • Infelizmente, esses alimentos cheios de açúcar e gordura são repletos de calorias vazias, pois não oferecem nada de benéfico para o seu corpo. Caso tenha muita dificuldade para tirá-los da sua rotina, tente reduzi-los progressivamente. Acredite: quando consumidos raramente, eles são ainda melhores e não prejudicam a sua saúde.
  • Enfim, mostramos, com essas dicas, que ter uma boa alimentação não é tão difícil quanto parece. Não se esqueça de conversar com um especialista em nutrição para resolver suas dúvidas e entender melhor o que e quanto você precisa comer por dia, OK?
  • Se gostou do texto, aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais e marque aqueles amigos que desejam comer melhor!
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE